15.11.07

O verdadeiro segredo ... ser feliz.



Posso ter defeitos, ficar ansioso e ficar irritado algumas vezes
Mas não esqueço de que a minha vida é a maior empresa do mundo.
E posso evitar que ela vá à falência.

Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver apesar de todos os desafios,
incompreensões e períodos de crise.
Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história.
É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma.

É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.
Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos.
É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um "não".
É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.

Pedras no caminho?
Guardo todas, um dia vou construir um castelo ...
Fernando Pessoa

monge

6 comentários:

avelaneiraflorida disse...

POIS é, AMIGO MONGE!!!!

Acho que preciso construir um...
Cada dia mais urgentemente!!!!

Bjks

monge e eremita disse...

Pois é, amiga avelaneira

Também já me pesam tantas pedras nas algibeiras, tantas que por vezes me fazem vacilar. Mas não me conseguem desanimar nem fazer cair no chão. Ainda não vou construir o castelo,não. Vou juntar mais umas poucas, guardá-las eloquentemente todas num montão, onde espero de me sentar e olhar o mundo num silêncio tranquilo.

bj

monge

bacão disse...

Há que aliviar a carga!!!
Partir uma ou outra montra... Estilhaçar o preconceito e a altivez...
Unir numa chuva de protestos as vozes do descontentamento...
Aqui vai da REVOLUÇÃO!!!
Baaaahhhh... é só conversa... mas que me apetece, lá isso apetece!!!

monge e eremita disse...

Pois é bacão, tens razão

se todas as pedras que temos guardadas, as usassemos para estilhaçar todos essas atitudes mesquinhas e sentimentos mediocres, talvez não nos pesasse tanto a carga ... e uma chuvada de granizo em cima de alguns, talvez lhes quebrasse os telhados de vidro e lhes prostasse a arogância.

aquele abraço

monge

monge e eremita disse...

amigo monge,
bela imagem "legendada" por um não menos belo texto. Obrigado e parabéns pela lucidez sentimental e poética!

Abraço
eremita

monge e eremita disse...

Amigo eremita

as palavras que os poetas dizem,só eles as sabem dizer ... a forma de as sentir, cabe a cada um construir dentro de si lugares para melhor as aconchegar, e, delas nos tornar-mos guardiões e pensá-las como nossas.

sentimental abraço

monge